Blog

Sou Mãe: e Agora?

22/10/2019 publicado por: ahsako

Sabemos o quanto a maternidade se revela como um momento importante da vida da mulher, não é mesmo?

Desde a descoberta da gravidez, passando pelo período de gestação, até finalmente o nascimento do bebê, um turbilhão de sentimentos, emoções e acontecimentos envolvem o dia a dia da mulher.

É claro que, na maior parte das vezes, sobretudo para as mães de primeira viagem, tudo é muito novo e a maternidade se mostra como algo extremamente desafiador, não é mesmo?

Afinal, não há ainda a experiência de cuidar de um bebê, a habilidade em amamentar, dentre tantas outras dificuldades.

No entanto, se você acaba de se tornar mãe, e ainda não sabe lidar com a nova rotina que se apresenta, acredite: É sim possível se adaptar e lidar muito bem com a situação!

A seguir, vou te dar algumas dicas a respeito, acompanhe!

Dica 1: não tenha vergonha de pedir ajuda

Contar com o acolhimento da família é importante, especialmente no que se refere à maternidade. Seja uma irmã que já foi mãe, uma tia, a avó, ou a própria mãe, jamais tenha vergonha de pedir ajuda.

Não centralize toda a responsabilidade para si mesma. Lembre-se de que o pai também deve ter papel fundamental nos cuidados com o bebê, portanto, procure dividir esta responsabilidade.

Dica 2: mantenha sua privacidade e limite as visitas

Você naturalmente precisará de ajuda, mas também necessitará de ter seus momentos a sós com o bebê, não é mesmo?

Portanto, não tenha receio de limitar as visitas. Sobretudo quando o bebê estiver em seus primeiros dias de vida.

Converse naturalmente com as pessoas e diga que, se porventura quiserem ver o bebê, para avisarem antes. Além da questão do estresse que muitas mães podem ter no início da maternidade, o que implica algumas vezes na necessidade de ficarem a sós um tempo, há ainda a questão das bactérias que as pessoas podem trazer até o bebê.

Dica 3: amamente e conte com o suporte de uma consultora em amamentação e maternidade

Amamentar é um gesto de puro amor. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda o aleitamento materno exclusivo até os 6 meses de vida. É comum, no entanto, que muitas mulheres sintam dificuldade no começo. O leite não sai, o bebê aperta o bico dos seios, ocorre a dor, etc.

No entanto, é importante insistir e você pode ainda contar com a ajuda de uma profissional que ofereça o serviço de consultoria em amamentação.

Agora, conte pra mim: quais são as suas maiores dificuldades no início da maternidade?

Tags: #Bebê #Consultora em amamentação #Mãe #Maternidade